Quem já leu

sábado, 22 de janeiro de 2011

Camaleoa Moderna

Hoje eu tenho este sorriso,
Amanha ele já se foi,
Agora escuto promessas
Amanha talvez passe a acreditar nelas
Num minuto eu tava curtindo
Neste momento não estou mais
Sou assim  camaleoa
Espontânea, momentanêa...
Ontem? eu acreditava em tudo!
De papais noéis a honestidades!
Hoje eu sou cética
Não acredito nem no olhar
Pois até isso conseguiram desenhar
Eu já fui tantas, eu era menina, agora sou mulher
Eu tinha amigos agora tenho colegas
Eu era sozinha, agora não sou mais
Eu tinha sonhos, agora eles são outros...
Eu tinha medos, e eles mudaram
Eu tinha problemas, agora tenho outros
Eu tinha saudades, agora tenho muitas mais
Sabe! a vida é tão maravilhosa, ela nos transforma em cada coisa!
E isso é tão bom, poder olhar pra trás e se arrepender,
Ou rir da sua cara, das suas roupas, das suas fotos
Achar impossivel ter feito aquilo, sentir saudades...
E a gente perde tanto tempo da vida matutando problemas, achando soluçoes
Quando a unica coisa a fazer é seguir em frente,
Porque a gente é feito de momentos
E a vida só vai, não volta mais...
Eu sou assim camaleoa, vivida
Camaleoa Sofrida
Mas meu maior orgulho é ser camaleoa, e amar minha vida!


Mayara Kowalczuk

Um comentário:

  1. É a tua cara! Te vi, nessa poesia!
    Adorei!
    Bjs.
    Dinda.

    Jossara Bes.

    ResponderExcluir